Entenda a relação da automação com a Indústria 4.0

A Indústria 4.0 – ou Quarta Revolução Industrial – é um conceito relativamente recente (2011), caracterizado principalmente pela adoção em massa de tecnologias digitais pelas indústrias, para automação e gestão de seus processos. Isso foi possível graças ao aumento da capacidade dos computadores, aos estudos e pesquisas na área de inovação e ao gigantesco número de informações que podem ser digitalizadas.

Entre os pilares da Indústria 4.0, estão a inteligência artificial, o big data e a internet das coisas industrial (IIoT) que, aliados à automação industrial, permitem avanços operacionais significativos para as empresas.

A automação trabalha com a organização de processos produtivos, facilitando o trabalho humano ou até mesmo substituindo-o em alguns casos, fazendo com que parte do trabalho seja executada por computadores, máquinas e robôs. Essa prática é aplicável a todos os tipos de indústria, incluindo farmacêutica, automobilística, mineração, saneamento, química, energia, produtos de consumo, óleo e gás, papeleira, alimentos e bebidas.

Ações como automatizar uma indústria ou linha de produção, integrar sistemas de chão de fábrica aos corporativos e implantar novas tecnologias da Industria 4.0 trazem diferenciais competitivos para qualquer empresa, mas exigem uma nova organização, incluindo o time de gestão, as metas de operação, os parâmetros de segurança etc.

À primeira vista, a automação industrial pode exigir um grande investimento para as empresas que não acompanharam todas as mudanças do mercado, mas, ao final dos procedimentos de instalação e adaptação às novas tecnologias, todos os benefícios colhidos tendem a ser muito superiores a qualquer investimento realizado.

Benefícios da Automação Industrial

A automação é obtida com a instalação de tecnologias e sistemas digitais de acordo com a demanda de cada empresa. Os sistemas podem oferecer visibilidade dos processos e permitem controlar uma simples tarefa ou toda a produção, trazendo ainda a possibilidade de prevenção de falhas e erros, através do emprego de lógicas de controle simples ou até mesmo de inteligência artificial, dependendo da complexidade do problema.

Conheça os benefícios trazidos pela automação nos próximos tópicos.

Maior produtividade

É um grande ponto positivo da automação industrial. Ao substituir o trabalho humano ou complementar esse fator, os computadores e máquinas trazem mais agilidade e produtividade para a grande maioria das tarefas.

A inteligência artificial é um grande agente nesse fator, já que ela pode aprender e aprimorar os processos de produção ou operação, o que torna toda a cadeia produtiva mais eficiente. Soma-se a isso o fato de que ela tem capacidade de tomar decisões e seguir o trabalho sem interrupções.

Outro ponto é que as máquinas podem trabalhar por um grande período, repetindo um mesmo processo, hábito prejudicial para os humanos. Essa é uma vantagem relacionada diretamente ao próximo tópico.

Precisão

A precisão obtida com os processos da automação industrial é essencial para alguns nichos de indústrias, ponto que é muito variável com o trabalho de pessoas e dependente de políticas de aprimoramento dos produtos e de frequentes treinamentos.

Esse ponto também é garantido por máquinas inteligentes e robôs, que fazem a leitura de todas as instruções e dados programados nos sistemas de controle para repetir o mesmo padrão de perfeição, o que diminui significativamente as falhas em toda a linha de produção. Sensores e outros programas precisam ser anexados ao processo para garantir o máximo desse benefício.

Redução de gastos

O investimento feito em um sistema de automação industrial é recuperado mais rapidamente do que outros tipos de investimento. Com maior produtividade e menos problemas na produção, uma indústria pode entregar mais produtos e fazer mais vendas com a mesma quantidade de matéria-prima e energia antes utilizados (ou até menos!).

Um outro ponto é que muitos equipamentos e sistemas desenvolvidos para a automação industrial são mais eficientes ecologicamente, com economia de recursos como eletricidade, água, madeira, insumos químicos etc. Vale ressaltar que, à medida que as tecnologias de software e hardware de automação são barateadas, todos os recursos utilizados pela indústria têm se tornado cada vez mais escassos e caros.

Adotar a automação é um grande diferencial competitivo, aumentando o controle e a previsibilidade da produção, ponto que pode atrair novos clientes e ainda aumentar o faturamento por contrato. Também há a possibilidade de reduzir custos com a força de trabalho, realocando funcionários para outros postos e funções.

Mais qualidade

Os resultados obtidos com as máquinas e trabalhos automatizados, além de mais precisos, trazem mais qualidade e em um menor tempo. Tal qualidade pode ser verificada no melhor uso dos recursos, na precisão de cortes, fórmulas e formatos, entre outras ações.

Isso é possibilitado pelo controle definido e aplicado nas configurações de computadores e maquinários, capazes de entregar peças apenas dentro dos padrões desejados.

Ao criar um processo mais previsível e de qualidade garantida, é possível diminuir os custos com setores específicos e políticas de controle de qualidade – mais um ponto importante para o retorno sobre o investimento, uma vez que diminui drasticamente a variabilidade do processo e da qualidade do produto final.

Monitoramento remoto

Um ótimo benefício, considerando o ponto de vista de gerentes e chefes de operação, é o monitoramento remoto. Os sistemas de controle não estão mais presos à planta da fábrica, podendo ser acessados via redes Wi-Fi, sinais de rádio, infravermelhos ou Bluetooth, através de dispositivos móveis como smartphones e tablets.

Dessa forma, os sistemas da automação podem ser acessados, monitorados e até operados remotamente. Se essa é uma necessidade da empresa, é importante encontrar o melhor sistema para possibilitar o trabalho a distância.

E, para fazer tudo isso, o próximo benefício é o mais importante, essencial em todos pontos de operação da empresa e principalmente para garantir o bom funcionamento da automação industrial.

Segurança

A segurança da informação é uma grande preocupação dos sistemas de automação industrial. Como os dados são o grande item de valor da Indústria 4.0, a segurança é uma importante premissa da automação. Por isso, é recomendável adotar sistemas completos nesse ponto, a fim de preservar dados de clientes, registros de patentes, documentos, comunicações e outros itens.

Para além da cibersegurança, a automação também garante aspectos de segurança física, fazendo controle de velocidade e temperatura dos equipamentos etc. Em termos dos benefícios citados de produtividade e precisão, a automatização de processos também diminui os riscos de acidentes no trabalho, um grande custo financeiro e de tempo para as empresas.

Todos esses benefícios foram obtidos como consequência de pesquisas e investimentos em inovação, que continuam sendo realizados em larga escala. Isso indica que muita novidade ainda vai chegar. A Indústria 4.0 e suas tecnologias ainda estão em seus primeiros passos, mantendo-se concentradas junto a grandes empresas para, aos poucos, serem melhor distribuídas.

Pode-se considerar que a adoção de tecnologias de Automação Industrial é o primeiro passo para qualquer iniciativa de Indústria 4.0. Conheça as soluções da Aquarius Software para isso.

Carlos Paiola, Diretor Comercial da Aquarius Software, cpaiola@aquarius.com.br